Oficinas culturais online recebem inscrições gratuitas em Sorocaba

A população de Sorocaba (SP) pode se inscrever para participar de seis oficinas culturais online e gratuitas que serão oferecidas no mês de junho. As aulas acontecerão ao vivo, pela plataforma Zoom.
O objetivo do programa é aproximar pessoas de diferentes faixas etárias e com diferentes repertórios, promovendo um importante espaço de trocas de conhecimentos e experiências artísticas.

Confira as opções:

“Bate-papo com o poeta Carlos de Assumpção: Com o que sonham os poetas?”
A oficina vai ocorrer no dia 1º de junho, das 18h às 20h, mediado pelo educador Felínio Freitas. Na atividade, serão abordados a trajetória, a trova, o processo criativo e as inspirações do poeta de 93 anos de idade. São oferecidas 100 vagas e a atividade é voltada a pessoas com idade a partir de 16 anos.

“Danças populares – Catira, Fandangos e suas peculiaridades”
No dia 2 de junho, das 18h às 21h, será oferecida a oficina com a catireira Fernanda Colli, que apresentará reflexões sobre essas danças populares, abordando seus principais representantes e a grande contribuição histórica, rítmica e social para paulistas e paulistanos. Ao todo, são oferecidas 100 vagas.

“O Inconsciente Criativo”
Já nos dias 7, 9, 14, e 16 de junho, das 14h às 16h, a atriz e professora de teatro Patrícia Teixeira ministrará o segundo módulo da oficina, voltado a estudantes de teatro, cinema e vídeo, artistas e educadores ou profissionais de áreas afins, mesmo que não tenham participado da primeira etapa.
O objetivo da atividade é ampliar a leitura do processo de criação do artista, por meio do estudo sobre a originalidade do inconsciente e a relação deste com a teoria de Carl Gustav Jung, fundador da psicologia analítica.
Neste segundo módulo, o curso buscará correlacionar o estudo de três personagens (Salomé de Oscar Wilde, Dora do filme “Central do Brasil” e mais uma escolhida pelos alunos) com matrizes arquetípicas e mitos, ampliando as possibilidades da dramaturgia, atuação e encenação.
Um material será guiado antes da oficina estrear para situar os participantes que não participaram do módulo 1. As inscrições podem ser feitas até este domingo (16). São oferecidas 30 vagas.

“Clube de Leitura de Dramaturgias”
A oficina, coordenado por Tadeu Renato, ocorrerá nos dias 7, 10, 14, 17, 21, 24 e 28 de junho, das 18h às 20h, voltado a pessoas com idade a partir de 16 anos. Os participantes da oficina serão convidados à leitura de peças de teatro escritas por dramaturgas e dramaturgos brasileiros modernos e contemporâneos, com breve exposição sobre os autores e sua obra, seguida de bate-papo com os participantes sobre suas impressões de leitura.
As inscrições podem ser feitas até este domingo. São oferecidas 50 vagas.

“Percepções corporais e criatividade através da dança”
A oficina, coordenada pelo artista visual, pesquisador em dança e professor Urubatan Miranda da Silva, ocorrerá no dia 8 de junho, das 18h às 21h, voltada a estudantes, professores, artistas e interessados em geral, com idade a partir de 16 anos.
O objetivo é buscar uma nova possibilidade de construção poética de movimento, que não ocorre a partir da diluição ou segmentação de nomenclaturas, mas da integração do potencial de cada participante envolvido nesse processo, viabilizando, dessa forma, a construção de um exercício criativo. São oferecidas 30 vagas.

“Ancestralidade, narrativas e contemporaneidades indígenas”
Também em junho, será oferecida a oficina com a antropóloga e arte-educadora Kuawá Apurinā (Pietra Dolamita), voltada a artistas, produtores e educadores de escolas públicas, estudantes e pessoas acima de 16 anos interessadas na temática.
Os participantes da oficina serão organizados em dois grupos: Turma A, dias 9 e 11 de junho, das 14h às 16h, e Turma B, dias 16 e 18 de junho, das 10h às 12h.
O intuito da atividade é desfazer as invenções e as inverdades criadas sobre os povos indígenas do Brasil, que passam necessariamente pelo reconhecimento de sua existência no interior da sociedade e na instrução, cabendo principalmente ao arte-educador reconhecer a dinâmica das mudanças sociais no tempo e no espaço, reconhecendo-se como parte integrante de um processo eficiente, que exige que suas percepções e práticas sejam sempre revistas e repensadas na contemporaneidade.
São oferecidas 30 vagas e as inscrições podem ser feitas até a próxima terça-feira (18).
Os encontros ocorrerão pela plataforma Zoom e o link será enviado por e-mail aos inscritos.
Mais informações podem ser obtidas no site, pelo e-mail interioronline@oficinasculturais.org.br ou, ainda, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, pelo telefone da Escola de Cultura e Artes “Ettore Marangoni”.