Em 2013, Paulo Miklos ficou de luto com a morte da mulher, Rachel Salem, com quem vivia desde 1982. Enquanto alinhavava o repertório do terceiro álbum solo, A gente mora no agora (2017), Miklos enviou para Nando Reis uma letra à espera de melodia.

Tempos depois, Nando apresentou a Miklos uma música, pronta, mas com outra letra, escrita por Nando do zero, com versos que refletiam sobre paixão e perda, professando a fé na retomada feliz da vida e na conexão com a mulher para sempre querida em cada momento vivido com alegria.

Adornada com cordas e violão, a balada Vou te encontrar resultou na música mais arrebatadora do rotundo repertório do disco solo de Miklos, produzido por Pupillo Oliveira sob direção artística de Marcus Preto.

É essa música que Nando Reis grava pela primeira vez em dueto com Péricles para single da série Nando hits, mote da turnê que o ex-Titãs estreia na próxima quinta-feira, 23 de dezembro, com show na cidade de São Paulo (SP).

Posto no mundo eletrônica na sexta-feira, 17 de dezembro, com distribuição da ONErpm, o single Vou te encontrar é a segunda gravação de Nando Reis com Péricles.

Lançado em outubro, o registro fonográfico da música Na estrada (Carlinhos Brown e Nando Reis, 1994) já tinha juntado os dois cantores em gravação para Firmamento lilás, álbum de Péricles.

A curiosidade é que o single Vou te encontrar foi gravado no estúdio paulistano Space Blues com produção músico do mesmo Pupillo Oliveira que deu forma à gravação da música na voz de Paulo Miklos. A diferença é que a atual abordagem da música tem toque de soul, evidenciado tanto no conluio quanto no quina de Péricles.

Pupillo toca bateria no fonograma também formatado com os teclados de Alex Veley, o grave de Felipe Cambraia e a guitarra de Walter Villaça.