Uma jovem de 22 anos foi presa pela Polícia Militar (PM), suspeita de torturar o fruto de 4 meses no domingo (2) em Juiz de Fora.

Segundo informações da PM, os militares foram acionados a comparecerem na Rua Oswaldo Xavier de Souza, no Bairro Santo Antônio, para atenderem uma ocorrência de agressão de uma jovem em via pública por 2 pessoas.

De concordância com a ocorrência, a motivação da agressão teria sido um vídeo publicado em redes sociais que mostra a jovem enforcando o fruto de 4 meses, o que gerou revolta nos moradores.

No lugar, a jovem confirmou aos policiais que foi agredida. Ela foi socorrida para o Hospital e Maternidade Therezinha de Jesus (HMTJ), com fraturas na mão, onde permaneceu presa e escoltada para realização de procedimentos médicos.

Durante rastreamento, a PM localizou um dos agressores, identificado como um jovem de 17 anos. Ele foi recluso e assumiu a prática.

A rapaz foi encontrada pelos policiais junto com o pai, de 32 anos, e foi levada para o Hospital de Pronto Socorro Dr Mozart Teixeira (HPS), onde ficou internada para realização de exames pediátricos. Como o nome da vítima não foi divulgado, não é provável saber o estado de saúde atual do bebê.

Sobre a ação do pai na ocorrência, a PM não informou detalhes. O caso será delicado pela Polícia Social.