Incêndio florestal transforma cidade histórica da Califórnia em cinzas

Um incêndio florestal de grandes proporções transformou uma cidade histórica da Califórnia, nos Estados Unidos, em cinzas nesta quinta-feira (5), segundo as autoridades locais.
Greenville, que foi construída durante a corrida do ouro no oeste americano, em meados do século XIX, ficou em ruínas depois de as chamas que ardem na região alcançarem ruas e casas.

Localizada nas montanhas de Sierra Nevada, a cerca de 260km de Sacramento, toda a extensão foi atingida pelo incêndio que vem sendo chamado de Dixie Fire, e que arde há três semanas no estado.
Até o momento, uma extensão de mais de 130 mil hectares já foi reduzida a cinzas, de concordância com o Departamento de Proteção às Florestas da Califórnia.

Ao menos 50 casas ficaram completamente destruídas pelas chamas, e outras 30 construções danificadas, segundo as autoridades americanas.

Além do Dixie Fire, a Califórnia enfrenta outros 12 focos ativos de incêndios. Temporada de verão no hemisfério norte, o estado tem registrado altas temperaturas e uma seca alarmante.

O porta-voz do Corpo de Bombeiros da Califórnia, Mitch Matlow, disse em entrevista coletiva que a corporação “fez tudo o que podia”.
“Às vezes não é suficiente”, lamentou Matlow.

Um representando do serviço florestal americano afirmou, em um pronunciamento, que o comportamento do incêndio é intenso e que não é alguma coisa com o que eles estavam acostumados.
Jake Cagle disse ainda que alguns moradores se negaram a deixar o local, o que atrasou os esforços de combate aos incêndios.

“Foi um dia difícil”, disse Cagle.

Por volta de de cinco mil pessoas lutam para tentar conter o incêndio, que se tornou no sexto maior da história do estado, segundo o departamento de bombeiros da Califórnia.