Gilberto Gil amplia livro com letras de músicas para edição comemorativa dos 80 anos de vida do artista

A agenda de Gilberto Gil tem incluído duas reuniões semanais com o compositor e jornalista Carlos Rennó. Nessas reuniões, a pauta é a gênese das músicas feitas pelo compositor baiano nos últimos 17 anos.

“Eu o entrevisto e ele conta por que, pra que, pra quem, quando e como fez, enfim, as canções que compôs de 2004 para cá”, conta Rennó em post publicado em rede social neste domingo, 2 de maio.

O objetivo das entrevistas é colher material para que Rennó possa organizar a terceira edição do livro Gilberto Gil – Todas as letras, lançado originalmente em 1996 e reeditado em 2003, sendo que, na segunda edição, a organização já foi de Rennó.

Atualizada e ampliada, a terceira edição do livro tem lançamento previsto pela Companhia das Letras para 2022 e faz parte das comemorações dos 80 anos de vida de Gil – a serem festejados em 26 de junho de 1942 – e dos 60 anos de curso do artista, já que as primeiras gravações do cantor foram feitas em 1962, na Bahia.

Detalhe: a editora está filmando as conversas de Gil com Rennó, o que sinaliza intenção de produzir material audiovisual para promover e/ou complementar a edição atualizada do livro Gilberto Gil – Todas as letras.