Ex-marido de mulher assassinada em Vila Velha, ES, é procurado pelo delito

As investigações da Polícia Civil do homicídio de Irlane Vila Dias Casé, morta a tiros enquanto passeava com o cachorro no dia 2 de abril, no bairro Itaparica, em Vila Velha, na Grande Vitória, apontam que o delito foi planejado e o principal suspeito o ex-marido da vítima, Valmir dos Reis Lopes.

Segundo informações de familiares, a doméstica se mudou de Aracruz para Vila Velha, com uma filha adolescente, para reiniciar a vida e fugir das ameaças do ex. Os dois teriam se separado depois de desentendimentos em janeiro.

O caso é investigado pela Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Mulher (DHPM) e está em período de encerramento das apurações. A delegada Rafaella Aguiar, titular da DHPM, afirma que não há dúvidas de que se trata de um delito planejado.

Segundo a delegada, o homem não aceitava o término do relacionamento de seis anos e, depois de desvendar onde Irlane estava morando, passou a seguir a rotina dela. Assim, quando ela deixou a portaria do prédio para passear com o cachorro, por volta das 6h, foi baleada.

A Justiça expediu o mandado de prisão de Valmir, mas ele está foragido. Segundo a delegada, o suspeito já deixou a região da Grande Vitória e, por isso, a Polícia Civil conta com a ajuda da população, por meio de denúncias anônimas, para encontrá-lo.