As inscrições para participar do mutirão de castração vão até esta quarta feira (30) na Casa do Cidadão de Brigadeiro Tobias, das 8h às 12h e das 13h às 16h. As pessoas interessadas em castrar seus cães e gatos devem ser moradores dos 11 bairros da região do bairro de Brigadeiro Tobias.

O objetivo do Mutirão de Castração é reduzir a população de animais abandonados, prevenir doenças e promover a melhoria da qualidade de vida dos animais domésticos. O projeto é promovido pela Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria do Meio Ambiente, Parques e Jardins (Sema).

Já a identificação por microchip permite a responsabilização, a possibilidade de devolução de animais perdidos ou abandonados, contribuindo para o bem-estar dos animais e da população, além de diminuir o risco de transmissão de doenças e agravos de saúde. O microchip ainda vai possibilitar a formação de um banco de dados para futuramente nortear as políticas públicas ligadas ao bem-estar animal em Sorocaba.

De acordo com a Sema, podem participar moradores de Brigadeiro Tobias, Caputera, Genebra, Inhayba, Jardim Eldorado, Jardim Novo Eldorado, Jardim do Sol, Vila Astúrias, Vila São João, Vila Tupã I e Vila Tupã II. Os interessados devem levar no momento da inscrição o RG, CPF e um comprovante de residência atualizado, em seu nome. As vagas são limitadas. Mais informações podem ser obtidas de segunda a sexta-feira, das 08h às 17h, pelo telefone (15) 3202.8006.

As cirurgias de castração ocorrerão na próxima sexta-feira (1°) de novembro na unidade móvel que estará estacionada na Casa do Cidadão de Brigadeiro Tobias. Para o procedimento, as pessoas deverão tomar alguns cuidados com seus cães e gatos. O animal deverá ficar em jejum completo (água e comida) num período de 6 horas antes da castração, além de estar com a vacina em dia, tanto a antirrábica como a ‘V8’.

Os cães devem ser levados ao mutirão com coleira, guia ou caixa de transporte. Caso o animal seja bravo, é necessário levar a focinheira. Os gatos devem ser levados em caixas de transporte. Além disso, é recomendado que cada animal esteja acompanhado por uma pessoa de seu convívio diário. Por último, o responsável deve levar uma proteção após a realização da castração, como roupa pós-cirúrgica ou o colar elisabetano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.